sábado, 10 de dezembro de 2011

Dez de dezembro

Com 30 anos a gente aprende que cada um só vê o seu lado, que só faz o que for conveniente, que só faz questão em situações cômodas, e que quem vai estar ao seu lado em qualquer situação pode ser contado com menos da metade dos dedos de uma mão apenas. Então não espere o que não possa ser feito por você mesmo para você mesmo. O resto é só uma agradável surpresa.

Comemoro o aprendizado, já que a cerveja tem que ficar para outro dia e amanhã tem 2 provas.

Obrigada ao meu marido pelo presente, por este post e por todos os agrados do dia. :)

Obrigada pelos recados e ligações que recebi.

É isso.

4 comentários:

Ivan disse...

Vim para agradecer o seu comentário e descubro que é seu aniversário... Parabéns Thaís!!! Pelos posts desse blog vejo que você é uma pessoa com muita inteligência emocional, isso é um dom raríssimo. Desejo-lhe muita saúde e felicidades!!!

Sandro Ataliba disse...

E aí, como você está se sentindo, agora que entrou na casa dos trinta? rs
Amo!!!!!

Jana. disse...

parabéns, querida!

Sirleida disse...

E há trinta anos Deus me deu de presente a maior bênção da vida, você!
A pessoinha carinhosa e grudada em mim que transformou-se em uma mulher que luta e que busca sempre a realização.
Ontem eu não consegui postar... espero hj conseguir!
Não importa o dia, todo dia é dia de falar que te amo, te ensinei assim... e de desejar que todo o seu caminho seja iluminado, cheio da energia que Deus colocou no mundo.
A cerveja...? Beberemos, todo dia é dia de comemorar a vida!
E... quando chegar aos quarenta... vc descobre que não sai mais!
Qdo se aposenta? Descobre q pode falar td, msm que não seja ouvida... é mto bom!!!
Cada etapa tem tudo de especial... pq Deus fez assim!!!
Te amooooooooooo!!!!
Mamy