domingo, 4 de setembro de 2011

Preguiça x cobrança

Preguiça é o ato de descansar antes de estar cansado. (Homer Simpson) :)

Tenho lutado contra a preguiça durante as últimas semanas, mas a verdade é que a minha disciplina tem se dado por vencida muitas vezes. Saldo disto? Várias aulas atrasadas para assistir (de todas as 13 matérias das 2 faculdades no semestre), e 7 fóruns para participar até amanhã depois de tê-las assistido.

Fato é que às veze,s quando você faz muita coisa ao mesmo tempo, chega uma hora em que precisa dar um tempo de tudo. Eu trabalho, faço duas faculdades por opção (para mudar de profissão e de vida), cuido da minha casa (sem empregada), cuido da minha cachorrinha, cuido do meu marido, mantenho minhas redes sociais (única ferramente para manter contato com os meus amigos e família, já que moro longe), mantenho um blog (relativamente atualizado), penso em mil coisas ao mesmo tempo que não tenho conseguido passar para o papel (como uma peça de teatro já pronta na mente), acompanho blogs que acho interessantes, acompanho umas 6 séries de tv (pelo menos), vejo filmes, corro atrás dos negócios que estamos viabilizando para nós dois sermos mais felizes ainda, controlo as finanças, e ainda dou suporte e consultoria financeira para a vida pessoal do meu chefe (for free). Sério, cansei de novo só de falar...rs

Não estou reclamando da minha vida, pelo contrário, acho ótimo que eu possa fazer tudo isso agora, e melhor ainda é fazer com um objetivo real. Sei que daqui a 2 anos tudo será diferente e muito mais tranquilo, e é por isso que estou lutando hoje. Mas nas duas últimas semanas não tive disciplina alguma para manter tudo em equilíbrio, e como as outras coisas acabam sendo obrigação ou prazer, é claro que as faculdades são as que mais ficam prejudicadas, afinal, não são uma coisa e nem outra...rs

Já fiz um pacto comigo mesma e voltarei à rotina mais disciplinada a partir de manhã (assistirei aulas e participarei dos fóruns) e até o final da semana terei colocado as aulas em dia (por sorte tenho o dom de absorver várias aulas num dia), mas, até amanhã, um brinde à preguiça.

Acho que a preguiça nem sempre está relacionada ao ócio por si só, mas à estafa, ao cansaço. É como se a sua mente e o seu corpo te obrigassem a descansar. Por um lado, bate aquela "neura" de estar deixando um pouco as coisas de lado, mas por outro, estou tomando consciência de que às vezes simplesmente precisamos de um tempo para respirar, recarregar, ou a vida se torna um inferno, a paciência se perde, e o prazer e o objetivo se vão.

Escrevo esta reflexão um pouco para que vocês parem para pensar sobre as suas próprias rotinas e o que podem fazer para otimizá-las, e um pouco para que eu mesma pense a respeito. Vamos tentar buscar disciplina e preguiça na tal medida difícil de alcançar: o equilíbrio.

É isso.

4 comentários:

Sandro Ataliba disse...

Eu fico cansado só de ler o quanto de coisa que você faz. E o pior: é a pura verdade. Neste ponto nós focamos nossa vida de formas totalmente diferentes, embora vivamos juntos.

E desculpe-me por trazer para sua vida tamanho apreço pelo ócio, mas essa é uma das minhas prioridades. rs

Amo demais!

Carla Fernanda disse...

Já passei por tudo isso, só que com apenas um curso, sem empregada também e sempre trabalhei. Hj tenho 2 empregos e é puxado também Thaís. Digo que desde que casei, meu marido nunca me comprou nem uma calcinha...kkk ... e é verdade. O ap que temos compramos os dois. Sempre ajudei e até demais. Digo p minha filha isso. Que ela tem que ter mais equilíbrio com as finanças...kkk...
Isso é melhor do que ser parasita do outro. Acho o fim da picada a pessoa dependente de tudo.
Equilíbrio a gente sempre tem que conquistar mesmo, a cada dia.
Vc consegue menina!
Beijos e bom domingo!
Carla

Gisley Scott disse...

E para brindar à preguiça, nada como um cappucino com um croassaint de queijo e presunto...hum!!!!

Ivan disse...

Caramba, cansei só de ler o segundo parágrafo do post rs... A gente colhe o q planta, sua colheita será farta!
Abraço